Ouça uma ótima música do Ozzy

17/05/2011

Corey Taylor fala sobre o futuro do Slipknot

Joe Lawler da,
DesMoinesRegister.com, entrevisto o vocalista da banda Slipknot, e do Stone Sour: Corey Taylor. Na entrevista, ele fala sobre o futuro do Slipknot, sobre a morte de Paul, e sobre seu livro.

Traduzido por Marcelo Coutinho, no Whiplash.net:

Corey Taylor respondeu se está animado em seguir em frente com o
Slipknot:
"Espero que corra tudo bem, mas no
final das contas, trata-se da perda de Paul Gray e o
que ele significou para a banda e para os fãs. As
pessoas precisam parar de ser tão ansiosas e nos
deixar dar um passo de cada vez. Eu não sou um cara que gosta de forçar a barra. Sou paciente".

Sobre o processo de composição do álbum "Audio Secrecy", de sua
outra banda Stone Sour:

"Eu acho que o que mudou em mim foi o fato
de estar disposto a falar de coisas que eu estava
passando até o
momento. Deixei de ser agressivo com com as mulheres, minha família e amigos. Decidi parar de
ser seguro demais e 'soltar os cães'. No final das contas, foi mais fácil parar de me preocupar com os sentimentos dos
outros. O mais importante, é me
preocupar com os meus próprios sentimentos".

O vocalista também falou
sobre seu primeiro livro, "The Seven Deadly Sins: Settling The Argument Between Born Bad And Damaged Goods", que aborda temas como sua vida familiar:
"Quando você é o personagem
principal, você tem que lutar. Eu não tive uma vida que me fizesse crescer, mas eu não os culpo. Eu não seria quem
sou se eu não lutasse por isso. Eu não queria ficar
pra trás e tive que
realmente ir até o fim. Tudo que eu escrevi, musicalmente, minhas reações, as pessoas vão
gostar".

Leia entrevista completa, em inglês neste LINK.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela visita! Deixe registrado que você passou por aqui COMENTE!
Deixe sugestõs de notícias, endereços de sites relacionados, tanto faz...